Balanço da Fasp apresenta número de atendimentos realizados pela UPA no 1.º quadrimestre de 2022

0
83

Please enter banners and links.

Um levantamento realizado pela Fundação de Assistência à Saúde de Paranaguá (Fasp), demonstra que foram realizados na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mais de 36 mil atendimentos médicos entre os meses de janeiro a abril de 2022. Destes, mais de 9 mil foram classificados como de Urgência ou Emergência.

Dentre os mais de 36 mil atendimentos médicos realizados no período, e conforme o protocolo de classificação de risco da UPA, 73,7% não se tratavam de casos de urgência ou emergência, 3,95% foram atendimentos de emergência, 5% foram classificados como muito urgente e 17% classificados como urgente.

O levantamento demonstra ainda que foram realizados mais de 150 mil procedimentos na UPA, como administração de medicação, suturas, curativos, trocas de sondas, entre outros procedimentos necessários ao atendimento do usuário.

O levantamento também demonstra que mais de 300 pacientes foram encaminhados ao Hospital Regional do Litoral ou hospitais de Curitiba e Região metropolitana por meio da Central de Leitos Estadual gerida pela Secretaria de Estado da Saúde.

Os níveis de gravidade definidos por cores preconizados no sistema de classificação de risco são:

– Vermelho: emergência. Caso gravíssimo, com necessidade de atendimento imediato.
– Laranja: muito urgente. Caso grave, com risco significativo. Necessita de atendimento urgente.
– Amarelo: urgente. Caso de gravidade moderada. Necessita de atendimento rápido, mas pode aguardar.
– Verde: pouco urgente. Baixo risco de agravamento da saúde. Pode aguardar atendimento.
– Azul: não urgente. Livre de risco de agravamento da saúde. Pode aguardar atendimento ou ser encaminhado para uma Unidade Básica de Saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here