Paranaguá ultrapassa os 100 mil vacinados com a primeira dose da vacina contra a Covid-19

0
105

Please enter banners and links.

Paranaguá já passou de 100 mil pessoas vacinadas com a primeira dose do imunizante contra a Covid-19. Isso corresponde a 95,23% da população adulta, maior de 18 anos.

“Desde 19 de janeiro, data em que a primeira dose da vacina foi aplicada em Paranaguá iniciamos a vacinação para a população na Estação Ferroviária com diversas forças tarefa e corujões de vacinação. Em paralelo, as equipes também levaram o imunizante aos acamados e comunidades marítimas. O trabalho célere e comprometido das equipes está refletindo no resultado tão positivo”, salienta a coordenadora de vacinação na Estação Ferroviária e secretária de Governo, Luciana Costa.

Paranaguá tem seguido a meta de vacinar toda a população indicada no menor prazo possível. Desta forma, sempre que novas doses chegam ao município, de imediato a força tarefa ocorre. “Os mutirões acontecem assim que o lote chega na cidade seja a noite, pela manhã, à tarde e independente do dia da semana, inclusive sábados e domingos. Aqui as doses não ficam estocadas, pois nosso maior intuito é vacinar o quanto antes para frear a disseminação do vírus evitando agravos e mortes pela doença”, enfatiza a secretária municipal de Saúde, Lígia Regina de Campos Cordeiro.

SEGUNDA DOSE
O avanço tem também ocorrido também quando o assunto é esquema vacinal completo. 63,75% já completaram o calendário com as duas doses da vacina. Isso corresponde a mais de 67 mil pessoas. Para acelerar uma imunização mais eficaz e com a chegada de lotes correspondentes para retorno até 30 de setembro, também está ocorrendo força tarefa para aplicação da segunda dose da AstraZeneca e da Pfizer.

“Temos convocado a população para completar seu esquema vacinal. Como recebemos um número de doses que corresponde a esse público com retorno até 5 de setembro, continuamos com a força tarefa de segunda dose da AstraZeneca. Nosso objetivo sempre é imunizar o maior número de pessoas em um menor tempo”, explica a secretária municipal de Saúde, Lígia Regina de Campos Cordeiro.

A Secretaria Municipal de Saúde ressalta que vacinas como a AstraZeneca e Pfizer têm intervalo de até 90 dias. Desta forma, muitas pessoas ainda aguardam o prazo indicado para receber a segunda dose da vacina. Contudo, se houver a chegada antecipada de lotes, novas ações ocorrerão para adiantar também o prazo de aplicação para a população.

“Mais da metade da população adulta já recebeu as duas doses ou dose única. Levando em conta o prazo de intervalo entre as duas doses informado pelos fabricantes ou notas técnicas do Ministério da Saúde, esse é um número muito satisfatório e com as ações realizadas pelo Município em conjunto com o recebimento dos lotes de vacina, em breve toda a população estará com sua imunização mais eficaz”, avalia Luciana Costa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here