São João XXIII criou a Diocese de Paranaguá há 59 anos

0
254

Please enter banners and links.

A diocese de Paranaguá, uma circunscrição da Igreja Católica no Paraná, abrange 13 municípios e foi criada em 21 de julho de 1962, a partir da “bula” (documento papal) Ecclesia Sancta, de Papa João XXIII, posteriormente canonizado.
Na época o território foi desmembrado da Arquidiocese de Curitiba e nomeado como bispo Dom Bernardo José Nolker (1912-2000)
“O que vimos e ouvimos, nós vos anunciamos.” (1Jo 1,3) com este lema a Diocese de Paranaguá está se preparando para a comemoração do Jubileu dos 60 anos. No último dia 21 de julho foi celebrada na Catedral, uma missa em ação de graças pelos 59 anos de criação da diocese.
A missa, com os cuidados referentes à pandemia, contou com a participação presencial de fiéis, de representantes de pastorais, de religiosas e religiosos, bem como de 17 padres das paróquias dos municípios que compõe a Diocese. Além do público presencial, aproximadamente 4.000 pessoas acompanharam pelas redes sociais.
Dom Edmar Peron lembrou que as comemorações do jubileu foram iniciadas em 2019 e pensadas para um triênio (3 anos) de programação onde haviam encontros, atividades, orações, hino, livro de estudo e outras formas de preparação, “Depois de muitas reuniões para organizar este triênio, veio a pandemia e tudo foi refeito. Está acontecendo da forma que é possível; a gente se refaz, mas não deixa de semear” afirmou o bispo.
Na sua homilia, Dom Edmar agradeceu aos presentes, a todos que estiveram “semeando” o Evangelho e aos que o fazem neste tempo: “O terreno para semear nós não escolhemos, Deus nos colocou aqui nesta diocese, de diversas maneiras, há os que aqui nasceram, os que foram chamados e os que vieram pra cá”, disse.
“Nossa 1ª atitude é silenciar para acolher a realidade deste lugar. A 2ª atitude é semear; não escolhemos a semente pois a semente é a palavra de Deus. Devemos semear de forma continuada, em todos os lugares, viver uma evangelização que não se cansa. A 3ª atitude é deixar que o Senhor derrame sua graça para semear a palavra em nossos corações, em nossa vida” complementou Dom Edmar.
Ao final da missa, foi divulgado que no dia 1º de agosto iniciará a peregrinação da imagem de Nossa Senhora do Rosário para ser acolhida com orações em todas as paróquias e comunidades da diocese. São 22 paróquias, dois santuários e o seminário, nos municípios de Adrianópolis, Antonina, Bocaiúva do Sul, Campina Grande do Sul, Cerro Azul, Doutor Ulysses, Guaraqueçaba, Guaratuba, Matinhos, Morretes, Paranaguá, Pontal do Paraná, Tunas do Paraná. A paróquia São Francisco de Assis de Guaratuba será a primeira a receber a imagem.
(Pascom Diocese de Paranaguá –
Texto Giolete Babinski, fotos: Simone Alves)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here