Briga no centro de Paranaguá leva ROMU a prender mulher foragida da Justiça

0
422
COLABORE  COM O NOSSO JORNALISMO  LOCAL  PIX 41996934645

Please enter banners and links.

Uma mulher, a qual era procurada pela Justiça, foi capturada pela Guarda Civil Municipal, após se envolver em uma briga na Praça Fernando Amaro, no centro de Paranaguá, no final da tarde de domingo, 11. Contra a foragida, de 33 anos, havia um mandado de prisão preventiva expedido pela Vara Criminal de Piraquara, em decorrência de crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.
A ação teve início por volta das 18h30, quando uma equipe de ROMU (Ronda Ostensiva Municipal), que se encontrava na Avenida Arthur de Abreu, em frente ao edifício Palácio do Café, ouviu gritos de uma mulher pedindo ajuda na praça. De imediato os agentes foram averiguar e a flagraram agredindo outra mulher, a qual foi atacada com socos e, depois, agarrada pelos cabelos e arremessada sobre os assentos da área pública.
De imediato os agentes fizeram a abordagem e tiveram que segurar a mulher para cessar a agressão. Em seguida, os agentes apuraram que a vítima, de 23 anos, era companheira da agressora, com endereço em São José dos Pinhais. A moça disse que tinha vindo a Paranaguá visitar os pais e o filho e que resolveu sair com a agressora, quando as duas acabaram se desentendendo.
A moça relatou que havia deixado a companheira em local onde havia bebida alcoólica e que, quando retornou para o carro, a agressora alterada e, motivada por ciúmes, iniciou uma discussão que acabou evoluindo para as agressões. Na abordagem, foi localizado um pino usado para depósito de cocaína, com resquícios da droga, na carteira de agressora.
Diante da situação, as envolvidas foram encaminhadas à Delegacia Cidadã, para o registro da ocorrência de lesão corporal, sendo, então, verificado que havia um mandado de prisão contra a agressora, com validade até fevereiro de 2041. Na sequência, ela acabou conduzida à Cadeia Pública, para o devido cumprimento do mandado de prisão, ficando recolhida à disposição da Justiça.
Na ação, os guardas civis ainda recolheram o carro usado por ela, o qual era usado para transporte de passageiros por aplicativo. O veículo foi encaminhado ao pátio da GCM, na Vila Padre Jackson.
Fonte ROMU

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here