Caixa d’água limpa é saúde para toda família

0
262

Please enter banners and links.

A Paranaguá Saneamento orienta população a como limpar e manter os reservatórios de água bem conservados
• Cuidados evitam doenças provocadas por fungos, bactérias, protozoários e algas

A água fornecida pela Paranaguá Saneamento, do grupo Iguá Saneamento, chega às casas da população com a potabilidade adequada para o consumo humano, após um rigoroso processo de tratamento e de várias etapas de análise de qualidade. Contudo, ao sair da rede do município, percorrer as tubulações internas dos imóveis e ser depositada nas caixas d’água, esta qualidade pode ser comprometida e ainda oferecer sérios riscos à saúde dos moradores caso o reservatório não esteja devidamente limpo.

“As caixas d’água muitas vezes são esquecidas nas lajes dos imóveis. Estes equipamentos, porém, precisam ser higienizados periodicamente, caso contrário impurezas e micro-organismos como fungos, bactérias, protozoários e algas ali presentes podem provocar doenças”, alerta o engenheiro sanitarista João Roberto Rocha Moraes, diretor geral. “A gente só costuma lembrar das nossas caixas d’água quando acaba. Limpá-las a cada seis meses é uma medida necessária para que a água mantenha as condições adequadas para o consumo”, acrescenta.

A lista de doenças que podem ser provocadas pela falta de limpeza das caixas d´água serve de alerta para quem não está acostumado com a sua higienização. Dentre as enfermidades estão a esquistossomose, hepatite A, diarreias, amebíase e febre tifoide, mas a lista não para por aí. Também é preciso assegurar que os reservatórios estejam muito bem tampados para impedir que ratos, baratas, pombos, morcegos e outros bichos entrem em contato com a água, transmitindo doenças graves como toxoplasmose e leptospirose. Especialmente no verão, é importante vedar adequadamente as caixas d’água para que ela não sirva de criadouro para os mosquitos transmissores da dengue, zika, chikungunya e febre amarela.

Além de bactérias e outros microrganismos patogênicos, com o tempo, a própria caixa d’água pode liberar pequenos resíduos que acabam interferindo na qualidade da água e contaminando-a. Isso sem falar que a falta de limpeza também pode acarretar entupimentos nos encanamentos.

A periodicidade mínima recomendada pela Anvisa para a higienização dos reservatórios de água é a cada seis meses. Caso ela não seja feita de maneira adequada, pode provocar efeito contrário e contaminar a água, além de gerar um desperdício desnecessário. Para evitar esse problema, a Concessionária preparou algumas dicas de como fazer a higienização de forma efetiva e segura:

1 – Feche o registro de entrada de água no reservatório e, quando sobrar um palmo de água, feche a saída de água e use um pano úmido para limpar as paredes, a tampa e o fundo da caixa d’água.
2 – Debloqueie a saída e deixe escorrer toda a água da lavagem e remova todos os resíduos que restarem.
3 – Bloqueie novamente a saída de água e abra o registro. Deixe encher até a altura de um palmo e, em seguida, feche a entrada de água e adicione água sanitária.
4 – Lave novamente as paredes e o fundo e deixe a água sanitária agir por duas horas. A cada 30 minutos verifique se as paredes internas da caixa secaram; caso isso ocorra, repita o processo.
5 – Após duas horas, abra as torneiras da casa, descartando a água da lavagem e deixando que ela escorra e desinfete as tubulações também.
6 – Após finalizar, não esqueça de fechá-la muito bem para que não tenha contaminação por sujeira ou contato com animais e insetos.

Sobre a Paranaguá Saneamento – Por meio de concessão plena com validade de 48 anos, a Paranaguá Saneamento assumiu o gerenciamento e a operação de sistemas de abastecimento de água e de esgotamento sanitário da cidade de Paranaguá em 2001. A empresa atende a 155 mil pessoas e tem como objetivo universalizar o acesso da população à água de qualidade e à coleta e tratamento de esgoto. Desde 2017, faz parte da Iguá Saneamento, companhia que está presente em 37 municípios brasileiros e que alcança 6 milhões de pessoas com o compromisso de ser a melhor empresa de saneamento para o Brasil.

Sobre a Iguá Saneamento: A Iguá é uma companhia de saneamento, controlada pela IG4 Capital, que atua no gerenciamento e na operação de sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário por intermédio de concessões e de parcerias público-privadas. Atualmente, está presente em 37 municípios de cinco estados brasileiros – Alagoas, Mato Grosso, Santa Catarina, São Paulo e Paraná – por meio de 18 operações que, somadas, beneficiam cerca de 6 milhões de pessoas. O alcance dos serviços prestados pela companhia a coloca entre os principais operadores privados do setor de saneamento do país. Em 2020, a Iguá aderiu à Rede Brasil do Pacto Global, iniciativa da Nações Unidas (ONU) para mobilizar a comunidade empresarial na adoção e promoção, em suas práticas de negócios, de Dez Princípios universalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. A companhia foi eleita, em 2019, pelo terceiro ano consecutivo, uma ótima empresa para se trabalhar pela consultoria Great Place to Work (GPTW). Atualmente, emprega cerca de 1,5 mil pessoas. O nome Iguá é uma referência direta ao universo em que atua: em tupi-guarani, “ig” quer dizer água. www.iguasa.com.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here