Motociclista envolvido em atropelamento na BR-277 morre no Hospital Regional.

0
290

Please enter banners and links.

O motociclista Gustavo do Rosário Lima, de 27 anos, envolvido no atropelamento que tirou a vida de um menino de apenas 14 anos, no começo da noite de domingo, 9, na BR-277, região de Morretes, morreu no Hospital Regional.

O rapaz, que morava no bairro Labra, em Paranaguá, não resistiu aos graves ferimentos e faleceu durante o atendimento médico, na unidade hospitalar. Outros três motociclistas seguem internados em hospitais da região.

ATROPELAMENTO

Cleverson Lourenço de Camargo, de 14 anos, morreu atropelado, na altura do KM 37, da BR-277, na pista sentido litoral da rodovia.

O menino estaria tentando atravessar a estrada quando foi atingido por uma motocicleta. Ele morreu no local.

Outra moto, que seguia no mesmo sentido, também acabou se envolvendo no acidente.

De acordo com as equipes de emergência, quatro pessoas, que estariam nas motocicletas, sofreram ferimentos e foram encaminhadas para o Hospital Regional, em Paranaguá.

Equipes da Concessionária Ecovia, Samu, Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Federal atenderam a ocorrência que bloqueou o fluxo de veículos na rodovia, em uma das pistas, no sentido litoral.

ESTUDANTE

Cleverson Lourenço de Camargo, de 14 anos, era morador na região onde o acidente aconteceu. Consternada, a direção, equipe pedagógica e alunos da Escola Municipal Professora Desauda Bosco Da Costa Pinto, instalada no KM 23 da rodovia, na região da Marta, em Morretes, onde Cleverson estudava, publicou uma nota nas redes sociais lamentando a morte do adolescente.

Os dois corpos foram recolhidos ao IML – Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde passaram por exames complementares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here