Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial realiza homenagem à mulher negra

0
135

Please enter banners and links.

Nesta semana, o Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Compir), ligado à Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), promoveu evento alusivo ao Dia Internacional da Mulher Negra e Dia Nacional de Tereza de Benguela comemorado hoje, 25de julho.

O Evento aconteceu no Auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Paranaguá e contou com a palestra da Pesquisadora Maria de Lourdes Santa de Souza, com o tema “Os conflitos raciais da mulher negra na atualidade”.

A solenidade foi marcada por homenagens a mulheres de destaque no cenário municipal como a representante de religião de matriz africana Milene Rosa Gomes, Maria Dolores da Silva, indígena Rosalina Kerexu Rodrigues Mariano, cantora Lucélia Salgado, professora Sueli Ribeiro Cicarello e a superintendente de Assistência Social Gisele Cristina da Silva.

De acordo com o Presidente do Compir, Cláudio Antônio do Nascimento, por ocasião das festividades em comemoração ao aniversário de Paranaguá, o Conselho resolveu promover um evento que tratasse da data significativa para os negros. “Boa parte da nossa cidade foi construída pelos negros. Dia 25 de julho comemoramos o Dia Nacional de Tereza de Benguela, uma quilombola que lutou bastante pra sobreviver por aproximadamente vinte anos no Quilombo, junto a um grupo de índios. A partir desse ano, em comemoração a essa data, passaremos a homenagear mulheres de nossa cidade que tiveram forças e raízes de luta”, destaca Cláudio Nascimento.

“Estou imensamente agradecida pela homenagem, sobretudo por se tratar de um evento ligado à temática de luta do povo negro em um momento em que as mulheres negras, infelizmente têm sido destaque em estatísticas negativas no Brasil, ligadas ao alto número de homicídios, pouco acesso aos espaços de poder e menor acesso a direitos básicos. Isso torna a abordagem do tema um instrumento importante de superação a ser utilizado até mesmo por pessoas que, mesmo não fazendo parte dessas estatísticas, acabam tendo no seu lugar de fala a oportunidade de engajamento nessa luta que deve ser de todos nós”, avalia a superintendente da Secretaria de Assistência Social, Gisele Cristina da Silva, uma das homenageadas no evento.

“O Conselho Municipal de Igualdade Racial de Paranaguá foi instituído pela Lei 3784/18, como resultado da mobilização da sociedade civil organizada e a grande sensibilidade e preocupação da gestão do prefeito Marcelo Roque com a criação de políticas voltadas ao atendimento da população negra e indígena de nossa cidade”, salienta o secretário municipal de Assistência Social, Darci Borba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here