Mulher morta em acidente na BR-277 é identificada no IML.

0
2446

Please enter banners and links.

O corpo da mulher, de 76 anos, morta em um acidente de trânsito que envolveu um caminhão e um carro de passeio, na BR-277, no final da tarde de domingo, 21, por volta das 17h40, foi identificado no IML – Instituto Médico Legal de Paranaguá, por familiares.

A vítima fatal era passageira no veículo VW Bora, cor preta, que seguia na pista sentido litoral, quando bateu na lateral de um caminhão que cruzava a estrada, na altura do KM 19, na região de Morretes.

Além de Rita Scariot Bianchini, de 76 anos, que morreu no local, estavam dentro do carro mais 4 pessoas da mesma família. Todos moradores em Matinhos.

FERIDOS
O motorista do veículo sofreu ferimentos moderados e não corre risco de morte. Uma mulher, que também estava no carro, sofreu várias fraturas na região da cintura e perna. Ela foi operada no Hospital Regional, em Paranaguá.

Um menino, de apenas quatro anos, sofreu ferimentos no tórax. Outra passageira do automóvel, uma menina de 12 anos, teve traumatismo craniano e foi operada na casa hospitalar. O estado dela é grave.

As duas crianças e a mulher devem ser transferidos para hospitais na capital do estado e região metropolitana, nesta segunda-feira, 22.

ACIDENTE
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu na altura do KM 19, da BR-277, na região de Morretes, por volta das 17h40.

O caminhão, que seguia no sentido capital, fez um retorno e ao cruzar a pista foi atingido na lateral, pelo carro que seguia no sentido litoral.
Com o impacto, os dois veículos foram parar na lateral da estrada, no sentido Paranaguá. A frente do automóvel, onde estavam cinco pessoas, ficou completamente destruída.
Além da PRF, equipes de emergência da concessionária que administra o trecho da rodovia, e do Corpo de Bombeiros, atenderam as vítimas.

O condutor do caminhão foi encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil de Morretes, onde os procedimentos cabíveis foram adotados.

IML
O corpo de Rita Scariot Bianchini, de 76 anos, foi recolhido ao IML – Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde passou por exames complementares e foi liberado por familiares.

FOTOS – Agência PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here