Paranaguá ganhará 3 novos postos de saúde, com investimentos de quase R$ 6 milhões

0
181

Please enter banners and links.

Entre os presentes que Paranaguá receberá nas comemorações dos 371 anos estão três novas unidades básicas de saúde. Somando os recursos aplicados na construção, em equipamentos e mobiliários são quase R$ 6 milhões. O prefeito Marcelo Roque acompanhou nesta terça-feira (2) o andamento da obra no antigo Campo do Mingão, na Ilha dos Valadares, que está em fase de conclusão, e vai beneficiar cerca de 30 mil pessoas da localidade.

Outras duas unidades também estão na etapa final, nos bairros Porto Seguro e Leblon. A previsão é que a entrega dos três novos postos ocorra na semana da comemoração do aniversário da cidade, que será em 29 de julho. “São investimentos importantes que estamos realizando na área de saúde, que vão melhorar muito os serviços para nossa população”, assegurou o prefeito.

Na vistoria feita na unidade da Ilha dos Valadares o prefeito estava acompanhado do vereador Fábio Santos, do administrador regional, Aldo José das Neves, e do secretário municipal de Segurança Pública, sargento José Carlos Oliveira. “Verificamos que tanto a elétrica, quanto a hidráulica e a parte de acabamento estão sendo concluídos. É um posto de porte grande, que vai servir bem à nossa população”, declarou o prefeito.

Para Marcelo Roque, a população da Ilha dos Valadares nunca foi tão beneficiada no quesito saúde. Ele lembrou que em sua administração implantou o atendimento 24h, uma reivindicação antiga da comunidade insulana, que também veio acompanhada de uma ambulância que fica à disposição exclusivamente da localidade. “Nossa intenção é que morador não precise atravessar a passarela para procurar saúde, pois passará a contar com três unidades aqui, uma delas que funciona 24 horas e que conta com ambulância. Isso é um avanço para a comunidade”, declarou Marcelo Roque.

Quem está comemorando a conquista do novo posto é o vereador Fábio Santos. Nascido na Ilha dos Valadares, ele avalia que “esse é um momento único e especial para a saúde” da localidade. “Já tivemos uma saúde precária aqui. O que está acontecendo é uma coisa muito boa. A gente tinha um posto que funcionava até 17h, na gestão do prefeito Marcelo Roque passou para 23h e depois se tornou 24horas. O posto novo é mais uma grande conquista. Quem ganha com isso é a população”, declarou o vereador, que também acompanhou a vistoria.

INVESTIMENTOS

A construção das três unidades vai ter custo de aproximadamente R$ 2,7 milhões. São cerca de R$ 1 milhão para a do Leblon, com recursos municipais e do Estado, mais R$ 803 mil para a do Porto Seguro e R$ 855 mil para a Ilha dos Valadares (estes dois com verbas dos cofres municipais e também do governo federal). Em equipamentos e mobiliários são cerca de R$ 1 milhão investidos por unidade, com um total de R$ 3 milhões, com recursos próprios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here