Arquivo da categoria: Paranaguá

MOTO-ADULTERADA.Still005

Moto adulterada é apreendida por agentes da Guarda Civil Municipal

Na noite do último domingo (21-12) uma equipe da GCM de Paranaguá, abordou dois rapazes que estavam em uma motocicleta Handa Fan preta com placa AMT 8371  de Paranaguá, os jovens havia furado o sinal vermelho, logo que abordados, constatou que um era menor, e a moto estava com a placa de uma moto de cor azul, diante dos fatos, os dois envolvidos, e a motocicleta, foram encaminhados para a Delegacia da cidade, para as providências cabíveis

FONTE:SETOR POLICIAL

IMG_4581b1

Carro é recuperado pela Polícia Militar durante ações da “Operação Verão Paraná 2014/2015” no litoral do estado

Um carro com alerta de furto/roubo foi recuperado por policiais militares atuantes na “Operação Verão Paraná 2014/2015”, da subárea de Matinhos (PR), litoral do estado, durante o atendimento a um acidente de trânsito na tarde desta sexta-feira (19/12). Na ação uma pessoa foi presa.

Segundo o tenente Hericson Augusto Cruz de Paulo, subcomandante da Subárea de Matinhos, a equipe policial foi acionada para atender um acidente de trânsito entre dois carros ocorrido na rua da Fonte, próxima à saída de Matinhos. “Ao chegar no local, os policiais consultaram as placas dos veículos e verificaram que um deles, um Ford Fiesta, estava com alerta de furto/roubo”, conta o oficial da PM.

O condutor do carro, um homem de 27 anos, foi conduzido à delegacia, juntamente com o veículo recuperado, para que os procedimentos cabíveis fossem tomados. “No acidente ninguém ficou ferido, sendo o motorista do outro automóvel orientado a tomar as providências cabíveis”, explica o tenente Cruz.

“A Polícia Militar realizará várias operações de saturação, de bloqueio e blitzes com o intuito de fiscalizar os condutores para que se atentem à legislação vigente, tanto em relação a documentação dos veículos bem como relacionadas a perturbação do sossego”, ressalta o tenente Cruz.

Por Marcia Santos
Jornalista PMPR

Fonte: policiamilitar.pr.gov.br

1493239_10204443824127036_3930977551532576199_n

CASAL PERDE A VIDA EM GRAVE ACIDENTE NA BR 277

Um  grave  acidente    foi  registrado  no  final  da  tarde  deste  domingo (21-12) na  BR 277

Um  casal  que  retornava  das  praias  perdeu  o  controle  da  motocicleta  e  se  chocou  com  as  barras  de  proteção . Com  a  força  do  impacto  a  motocicleta  com  placas  de  Curitiba  partiu  pelo  meio . O  piloto  e  a  passageira  moradores  da  capital  do  estado , morreram  no  local  do  acidente. Os  corpos  foram identificados  sendo  de Luciano Gusso e  Ana Paula de Sousa Duarte  e  encaminhados  para  o  Instituto  Médico  Legal  de  Curitiba

img_d1297e8240d3207c512a2012db3d0d69

Mães denunciam espancamento de seus filhos por taxistas, após acidente na BR-277

O que era para ser um final de semana tranquilo a dois jovens trabalhadores, tornou-se um pesadelo para duas famílias, diante da violência desnecessária cometida por taxistas, após um acidente ocorrido na madrugada do dia 30 novembro na BR-277, próximo do semáforo da Rua Professor Cleto, em Paranaguá.

Revoltadas com esta situação, Tamara Gonçalves, mãe do controlador de armazém Alexandre (19) e Salete do Rocio Lourenço, mãe do motorista da Coopadubo, Jhonata (26), estiveram na redação do JB e denunciaram a agressão sofrida por seus filhos, após o acidente.
De acordo com Salete, seu filho e o amigo Alexandre retornavam para casa, depois de uma noite de diversão sadia, quando se envolveram num acidente na BR-277 com o veículo Gol, do táxi de Cleber Fernandes.

Após a colisão, foi acionada a Polícia Rodoviária Federal (PRF) que tomou os depoimentos do taxista e uma testemunha, porém, quando ia tomar o depoimento dos dois jovens, foi chamada para dar atendimento a outro acidente, desta vez com morte, na mesma BR-277 e orientou os jovens a não saírem do local, para prestarem sua declarações. Foi o prazo suficiente, segundo as duas mães, para que um taxista acionasse outros colegas até o local e, lá chegando, passaram a espancar os dois jovens, que sequer puderam se defender. Desesperado pelas agressões que sofria, Jhonata ligou para sua mãe pedindo socorro, e a mesma teve dificuldade de encontrá-lo. Quando chegou até o acidente, prossegue Salete, encontrou o filho e o amigo agredidos e diversos taxistas no local. Desesperada ao ver o estado do filho, a mãe falou com os socorristas do Serviço Atendimento Médico de Urgência (Samu), que asseguraram que os ferimentos sofridos não eram em razão do acidente e sim de agressões sofridas.

A mãe disse ainda, que além de ser espancado, o filho teve furtados uma corrente de prata, celular e um módulo do seu veículo.

Em consequência das agressões, Jhonata ficou internado até a segunda-feira (1), mas teve de retornar na sexta-feira (5) por complicações. Ele sofreu traumatismo na face e teve o nariz e o maxilar quebrados. Alexandre, por sua vez, foi atendido, medicado e liberado pelo Hospital Regional do Litoral.

Justiça e punição aos agressores

Revoltadas as duas mães registraram um Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia, onde os jovens realizaram exame de corpo de delito e conseguiram imagens de uma câmera que registrou parte dos fatos. Nas imagens, segundo Salete, era o veículo táxi Gol que estava em alta velocidade e não o carro de seu filho, que já passou por duas tomografias computadorizadas.

Determinadas, as mães exigem justiça e punição aos agressores. De acordo com Salete, nada justifica as agressões sofridas e tudo poderia ser revolvido de forma legal. “Enquanto esperavam o socorro um grupo de taxistas covardes espancou eles até deixá-los desacordados. Foram salvos por dois vigilantes que viram a cena e impediram que eles fossem mortos espancados”, postou Tamara Gonçalves em seu perfil na rede social.

Atualmente, o filho de Salete está impossibilitado de trabalho, sofrendo prejuízos e a família gastando com medicamentos. “Queremos que a justiça seja feita para que outras mães não passem pelo que estamos passando”, desabafou Salete.

FONTE:JORNAL DOS BAIRROS

10859854_756078691143342_39976087_n

ELEITO O CORTEJO REAL PARA O CARNAVAL 2015 DE PARANAGUÁ

Em noite de gala e de samba de qualidade, foi eleito o Cortejo Real do Carnaval 2015. Entre os critérios de avaliação para a eleição do Cortejo Real do Carnaval de Paranaguá 2015 estavam simpatia, beleza, fantasia e samba no pé.
Disputaram a coroa de Rei Momo e a coroa de Rainha do Carnaval de Paranaguá 12 candidatos. Com muito samba no pé, simpatia e desenvoltura Luiz Eduardo Santos Silva , 27 anos, ganhou a preferência dos jurados e foi escolhido o Rei Momo do berço da civilização paranaense. A rainha eleita foi a bela, carismática e que mostrou muito samba no pé, Karina Nanachara do Rocio Xavier, 27 anos, ex porta bandeira da escola de samba Mocidade Unida do Jardim Santa Rosa.
Vale notar que os dois representaram a escola de samba Mocidade Unida do Jardim Santa Rosa e que são casados a 10 anos.
O casal, da Mocidade Unida do Jardim Santa Rosa, desfilará nos eventos oficiais do Carnaval 2014 ao lado das princesas Anatana Cristina e Jéssica Santos.

atropeladograciosa

Motorista que atropelou e matou skatista na Graciosa é preso em casa, paga fiança e é liberado

Policiais civis de Quatro Barras identificaram e prenderam na sexta-feira (19) o motorista suspeito de atropelar dois rapazes na Estrada da Graciosa na quinta-feira (18). Um dos atropelados, o estudante universitário Willyan Forrer de Camargo, 21 anos, morreu na hora e um adolescente de 16 anos, foi encaminhado, em estado grave, ao Hospital do Trabalhador (HT). De acordo com informações dos policiais que fizeram a prisão, o motorista do caminhão, de 37 anos, ficou bastante nervoso na hora da prisão e tremia muito. Ele ficou assustado, mas não resistiu. Na delegacia, pagou fiança e foi liberado.

No depoimento,  o motorista, que conduzia um caminhão carregado de pedras, disse que não viu os garotos na pista e que só fugiu do local com medo de ser atacado por outros skatistas que circulam pela Graciosa. Ele foi liberado mediante fiança. O valor da fiança não foi informado.

Os policiais chegaram até o motorista recolhendo informações na região, onde funcionam muitas pedreiras. Com o horário de entrada e saída dos caminhões, a placa foi levantada e o endereço do acusado foi encontrado. O motorista deve responder processo por homicídio.

O acidente

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), os jovens seguiam com outros três amigos de skate em direção ao litoral, quando próximo do limite de Quatro Barras com Morretes acabaram se envolvendo na colisão.
Willian Foster Camargo morreu na hora. O adolescente foi socorrido em estado gravíssimo ao HT. O helicóptero da PRF precisou ser acionado para o socorro.

De acordo com o pai da vítima fatal, Jair de Camargo, o filho cursava engenharia Faculdade Estácio e morava no bairro Tingui. “É uma tragédia o que aconteceu, já que eu acredito que nem poderia haver esse tipo de esporte no local. Domingo é cheio e ninguém cuida, então outros acidentes podem continuar acontecendo”, lamentou.

FONTE:BANDA B 

Imagem-jozias

Jozias é eleito presidente da Câmara

Dos 17 vereadores que compõe a Câmara de Paranaguá, 16 estavam presentes. O vereador Márcio Costa não compareceu.

Jozias foi eleito com 11 vereadores. O vereador Edu teve 4 votos e o vereador Adalberto obteve 1 voto.

Cada vereador era chamado para votar na sala ao lado do plenário da Câmara e voltava com seu voto em mãos para inserir na urna colocada em plenário.

O regimento interno determina que a contagem dos votos seja feita pelo presidente da Casa, porém, o presidente Marquinhos Roque compôs uma comissão de três vereadores que ficaram responsáveis pela  contagem dos votos.

A comissão foi formada pelos vereadores Edu, Maranhão e Adriano Ramos.

Ao final da contagem ficou confirmada a seguinte chapa:

Presidente: Jozias de Oliveira Ramos

Vice-presidente: Arnaldo Maranhão

1º secretário: Carlinhos da Ilha

2º secretário: Sandra do Dorinho

Suplente:  Benedito Nagel

Confira as votações de cada cargo:

Presidente: Jozias com 11 votos, Edu com 4 votos e Adalberto com 1 voto.

Vice-presidente: Maranhão com 10 votos, Larissa Castilho com 4 votos, Márcio Costa e Adriano Ramos com 1 voto cada.

1º Secretário: Carlinhos da Ilha teve 14 votos, Edu 1 voto e Ivan obteve 1 voto.

2º Secretário: Sandra do Dorinho obteve 11 votos, Adriano Ramos teve 3 votos, Carlinhos da Ilha e Ivan obtiveram 1 voto cada.

Suplente de Secretário: Nagel teve 11 votos, Ivan da Fafipar obteve 3 votos e Jacizinho 1 voto.

Sessão especial está marcada para o dia 02 de janeiro com a posse da mesa eleita.

FONTE:BLOG DA LUCIANE

praia-pontal-parana-a210a25444b9d8ebe012edcfe7f4b88c

Litoral deve receber quase 3 milhões de veículos na temporada de verão 2014/2015

Está aberta a temporada de verão. Diferente de 2013, ela começa mais cedo neste ano: 19 de dezembro até o dia 22 de fevereiro de 2015, após o feriado de Carnaval. Nesse período, a concessionária Ecovia espera a passagem de dois milhões e novecentos mil veículos na BR-277 e rodovias de acesso ao litoral PR-508 (Matinhos) e PR-407 (Praia de Leste).

O movimento já começa  na sexta-feira (19), com previsão de até 1,4 mil veículos por hora no sentido Paranaguá. Já no sábado (20), quase 20 mil devem seguir em direção ao Litoral, deixando o fluxo intenso no período da manhã. Na semana que antecede as festas do Ano Novo, entre os dias 29 de dezembro e 04 de janeiro, o tráfego deve ser de 317 mil veículos nos dois sentidos da BR-277, sendo que a maior movimentação está prevista para o dia 31, com a circulação de 37 mil veículos.

Para o retorno à Curitiba, no dia 04 de janeiro, a concessionária prevê fluxo intenso durante todo o dia, com maior concentração de carros no sentido capital após o meio-dia. Por conta do alto fluxo de veículos será realizada a Operação Mão Única, na PR-407, em parceria com o DER/PR, a Polícia Rodoviária Federal e Rodoviária Estadual. A operação será realizada entre 14h30 e 19h, do dia 04 de dezembro, com tráfego em sentido único dos balneários para a BR-277 para dar maior fluidez.

Obras

Para garantir ainda mais fluidez aos usuários, durante a temporada não serão realizadas obras com interferências no tráfego, no trecho entre Curitiba e o litoral paranaense, exceto em situações emergenciais. Na PR-407, rodovia que está com projeto de duplicação, as obras acontecerão nas marginais da pista, porém com um volume extremamente reduzido de veículos nos locais.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Concessionária Ecovia

 

10866676_754968754587669_144730108_n

Marquinhos Roque se destacou por ser um Presidente que atuou, dentre outras vertentes, em prol da redução de gastos públicos Em entrevista ao Jornal Folha do Litoral News, Marquinhos fez um balanço de sua gestão:

Eleito Presidente da Câmara Municipal de Paranaguá quando iniciava seu segundo mandato como vereador daquela Casa, Marcus Antônio Elias Roque impôs sua dinâmica pessoal na Casa e a deixará marcada pela redução dos gastos públicos e pela modernização tanto estrutural quanto organizacional.

 Folha: A última notícia que se tem sobre a sua gestão é o recente balanço que inclui corte nos gastos com cargos comissionados, diárias, combustível, manutenção de veículos, telefone e água. Como isso foi possível?

Marquinhos Roque: Mesmo com o aumento dos vereadores de 11 para 17, conseguiu-se diminuir as despesas reduzindo o número de cargos comissionados de 103 para 40, ou seja, menos da metade. Em números significa uma redução de R$ 2.237.888,03, em 2012, para R$ 1.044.996,19, em 2014. No ano de 2011, o gasto anual com Diárias foi de R$ 59.650,00 enquanto a gestão atual fechará o ano de 2014 com o valor aproximado de R$ 3.032,67. Combustível e manutenção de veículos também estão na lista, tanto um, quanto o outro são reflexos do uso correto e responsável dos veículos. O carro somente deixa o prédio acompanhado do motorista e com a assinatura de um termo de responsabilidade, com origem, destino e quilometragem prevista para uso, evitando assim os problemas que a Casa teve nos anos de 2011 e 2012. Já no que se refere às manutenções de veículos, as realizadas nos anos de 2011 e 2012 somam R$ 113.448,54, enquanto a gestão atual, contabilizou a soma de R$ 16.039,31, ou seja, economizamos cerca de 86%.

Folha: Qual foi sua principal bandeira ao assumir a presidência?

Marquinhos Roque: Duas questões foram tratadas com muita importância nesses dois anos. A modernização da Casa, com instalação de novos sistemas e softwares que agilizaram e deram mais transparência aos processos, além de eliminar uma quantidade significativa de papel, já que tudo é feito online. Outra preocupação foi promover a elaboração da nova Estrutura Organizacional e do novo Plano de Cargos e Salários do Legislativo Municipal. Acabaram-se os desvios de função, as funções gratificadas foram redistribuídas, bem como foram autorizados os pagamentos das gratificações por habilitação acima do exigido a todos os servidores que fizeram jus.

Folha: O Sr. Foi muito elogiado por estreitar a relação entre o poder legislativo e a comunidade. Como isso foi possível?

Marquinhos Roque: Através do resgate da Câmara mirim, da criação do projeto Escola Vai à Câmara, da reativação do Espaço Carijó com exposições de artistas locais, além das sessões itinerantes, que passou por Ilhas e comunidades. São ações simples, que ajudam a despertar na população e principalmente nos jovens o interesse de acompanhar e fiscalizar o trabalho de seus representantes.

Folha: O Sr. é candidato a reeleição?

Marquinhos Roque: Qualquer pessoa pode ser votada, mas ser Presidente requer dedicação total. Em dois anos evoluímos o equivalente a oito anos, acredito que posso passar esse desafio para o próximo Presidente e voltar para a bancada, para os debates. Durante esses dois anos, escolhi a postura de mediador para o melhor funcionamento das sessões.

Folha: Quais serão os desafios encontrados pelo próximo presidente?

Marquinhos Roque: O próximo presidente encontrará um ambiente organizado, moderno e com aproximadamente R$ 2.500,000.00, em caixa, economizados durante a minha gestão para realização de obras de reforma e ampliação do prédio. O único desafio é saber administrar.

Folha: Qual a sua relação com o atual prefeito?

Marquinhos Roque: Nunca tivemos problema algum, viemos de uma campanha com os mesmos ideais, tirar Paranaguá do abandono em que se encontrava. Bairros abandonados, postos de saúde sem médicos, servidores desmotivados, mas com esperança de dias melhores com a eleição de Mário Roque.

Infelizmente com o falecimento do prefeito Mário Roque as coisas tomaram outro rumo, o modo de administrar é outro, mudam-se as pessoas e os interesses, é natural. O que não se pode mudar é o compromisso assumido com a população. Todos já tiveram tempo de se adaptar para administrar, agora não têm mais desculpas.

Quando vou aos bairros sou cobrado pelos compromissos assumidos durante as nossas caminhadas. Mário Roque ficou conhecido por ser uma pessoa de palavra, que falava e fazia, não enrolava, tinha pulso e não era frouxo. Disse que faria o asfalto primeiro nos bairros, acabaria com a história de asfalto em cima de asfalto bom. Que a ponte dos Valadares seria reformada e ampliada que não ia esperar a boa vontade dos governos, que faria com recursos próprios. É nisso que eu acredito e é por isso que vou continuar lutando.

Folha: Então podemos esperar uma postura de oposição, como na gestão anterior?

Marquinhos Roque: Oposição é uma palavra muito taxativa, prefiro ser independente, alguém tem que apontar os erros para que sejam corrigidos e dar apoio para as ações que venham beneficiar a população.

Folha: Quais são suas considerações finais?

Marquinhos Roque: Eu gostaria de agradecer a muita gente, mas vamos pela ordem. Primeiramente a Deus pelo caminho tranquilo e pela paz que me proporciona na vida política, à minha família e ao meu pai que mesmo depois de partir continua me ensinando muita coisa, uma delas é o sentido da palavra gratidão, a maior virtude de um homem.

Aos meus amigos, aos servidores da Câmara, à equipe de trabalho e a minha chefe de Gabinete Marcela Paula, minha linha de frente, jovem, mas competente.  A todos que contribuíram para o sucesso desses dois anos o meu muito obrigado.

E por último e não menos especial a todos aqueles que continuam acreditando no nosso sonho de uma Paranaguá cada vez melhor. O caminho às vezes surpreende, mas não vamos desistir.

 

Fonte: Folha do Litoral News

 

Sem título

Skatista perde a vida na estrada da Graciosa